sábado, junho 29, 2013

Janelas panorâmicas da Masai para Defender - 1ª parte

Image Hosted by Google Janelas panorâmicas da Masai num Defender

Para além do modelo específico para as versões comerciais, a Masai disponibiliza janelas mais universais, que podem ser aplicadas em qualquer modelo de Defender, substituindo integralmente os paineis laterais da caixa de carga, incluindo os angulos com a parte traseira.

Estes novos paineis vidrados são vendidos aos pares, com vidros com 4 mm de espessura, de baixa reflexão, que escurecem a 70%, e obedecem à norma E43R, conferem ao Defender um aspecto muito mais sofisticado e luxuoso, ao mesmo tempo que aumenta a resistência torcional do veículo, permitindo que sejam instalados no tejadilho o mesmo tipo de carga.

Toda a construção é de alta qualidade, típica dos produtos Masai, sendo à prova de água e de grande resistência, suportando temperaturas que vão desde os -40 aos 90º positivos, e com excelentes acabamentos, muito superiores aos das peças originais da Land Rover.

O tamanho da abertura da janela é de 1057 x 427 mm, o mesmo selecionado pela Land Rover para as janelas originais, existindo a opção de estas serem fechadas ou poderem ser abertas, com uma segurança superior ao do modelo do próprio fabricante neste último caso.

sexta-feira, junho 28, 2013

Janelas laterais da Masai para Defender HTV

Image Hosted by Google Janelas laterais da Masai num Defender HTV

Sobretudo a pensar nos modelos de carga, ou os "Hard Top Van", HTV, a Masai desenvolveu um conjunto de janelas que permitem aos Defender sem janelas na zona da carga, ter uma maior luminosidade, contribuindo também para eliminar alguns angulos mortos.

Estas janelas, com 609 por 457 milímetros, escurecidas a 70% de modo a manter a privacidade e a segurança dos bens no interior, incluem um vidro de segurança endurecido, com 4 mm de espessura e que cumpre directivas comunitárias, como o Regulamento nº 43 UN/ECE.

Toda a moldura é, no seu interior, em metal polido, sem arestas, de modo a evitar cortes, evidenciando uma grande qualidade, com o vidro, de brilho reduzido, a refletir o calor, sendo o conjunto impermeável e resistente a baixas e altas temperaturas.

O conjunto inclui primário, pasta de silicone para vedar a junta, e um cartão que serve de molda ao corte que é necessário efectuar no plano lateral do Defender, estimando-se que estas janelas, cujo preço ronda os 180 Euros, a que acrescem portes, possam ser instaladas em cerca de duas horas.

quinta-feira, junho 27, 2013

Waze, navegação e rede social - 3ª parte

Image Hosted by Google Um écran do Waze

O Waze tem sido continuamente actualizado, continuando a ser gratuito, mesmo após adquirido pelo Google, que, quase certamente, irá integrar esta plataforma no Google Maps, sendo compatível com a maioria dos telemóveis inteligentes com base "Android" ou IOS.

Ao contrário de outros produtos para navegação, o Waze é interactivo, podendo todos os membros da comunidade contribuir para uma condução mais segura, uma diminuição de custos, integrando-se com diversas plataformas, de modo a que esta partilha contribua para o bem de todos.

Vencedor do "Global Mobile Award" de 2103, esta é uma aplicação que se justifica instalar por parte de todos quantos usem sistemas de navegação, dado que possui um tipo de interactividade que o diferencia em muito de outros produtos, razão que, obviamente, determinou a sua aquisição pelo Google, não obstante este gigante possuir o seu próprio sistema de mapas.

quarta-feira, junho 26, 2013

Waze, navegação e rede social - 2ª parte

Image Hosted by Google Um écran do Waze

Por outro lado, numa vertente mais convencional, o Waze oferece mapas, devidamente actualizados pela comunidade, o que, adicionando a informação permanentemente actualizada, facilita em muito a navegação, a qual inclui comandos de voz completos e de boa qualidade.

O "interface", bem como os comandos, que podem ser de voz, são de simples utilização e bastante intuitivos, permitindo uma aprendizagem rápida e, o que é essencial, uma operação fácil, algo absolutamente essencial quando o objectivo é utilizar o sistema num veículo em movimento.

Também existe integração com o Facebook, podendo-se selecionar as direcções para um evento anunciado nessa rede social, ou partilhar e receber informação de amigos que se encontrem nas imediações, de forma a facilitar um encontro ou avisar da hora aproximada de chegada, bem como uma ligação para o trajecto enquanto se guia.

o Waze recorre ao GPS, pelo que é de esperar um maior consumo de energia, mas, caso esteja fora de uso, por passar para "background" ou verifique que não existe movimento, pode desligar-se automaticamente para poupar recursos do sistema.

terça-feira, junho 25, 2013

Waze, navegação e rede social - 1ª parte

Image Hosted by Google Um écran do Waze

O Waze é mais do que uma plataforma de navegação, semelhante a tantas outras, onde navegação, mapas digitais e GPS se integram, possuindo uma vertente comunitária que a aproxima de uma rede social vocacionada para viajantes, permidindo a partilha de informações em tempo real.

Os mais de 50.000.000 de utilizadores podem partilhar e ser informados, em tempo real, de um enorme conjunto de situações, que vão desde acidentes ou cortes de via a operações policiais, sendo essencial o contributo de todos para que exista uma informação permanentemente actualizada.

Estas informações, recolhidas pelos utilizadores, são adicionadas aos mapas, permitindo escolher a melhor opção para um dado trajecto, poupando assim combustível, e o Waze também informa qual o preço mais favorável na zona, dando ainda uma estimativa ao próprio e a quem com ele quiser partilhar, uma hora estimada de chegada ao destino.

Outra vantagem da plataforma é que é actualizável, armazenando informação sobre trajectos habituais, bem como os respectivos horários, podendo fornecer sugestões com base nas informações recolhidas na altura, sendo possível apontar um trajecto alternativo caso, por exemplo, a estrada usada habitualmente esteja fechada.

segunda-feira, junho 24, 2013

Lanterna recarregável em tomada de isqueiro

Image Hosted by Google Uma lanterna recarregável em tomada de isqueiro

Uma lanterna recarregável na tomada de isqueiro de um veículo, para além de prática, é uma solução interessante, que permite dispor de um foco de luz à mão, sem o incómodo de trocar de baterias, nem correr o risco de as encontrar descarregadas quando mais se necessita de luz.

Este modelo tem um corpo metálico colorido, de forma a ser facilmente localizado, mede apenas 56 mm de altura e não pesa mais de 44 gramas, podendo fornecer luz por perto de duas horas após seis a oito horas de carregamento numa tomada de isqueiro.

Disponível em negro, azul ou prateado, muito fácil de usar, bastando rodar a cabeça para activar a luz, inclui, em muitos casos, um suporte para carregador de parede para telemóveis ou outros equipamentos eléctricos, que constitui um valor acrescentado para quem optar por este equipamento.

O preço pode ficar pelos dois Euros e meio, mas chamamos a atenção para o facto de, dependendo do fornecedor e da própria cor, ser possível encontrar a mesma lanterna a preços absurdos, pelo que uma pesquisa atenta é mais que recomendável neste caso concreto.

Fluido não aquoso para radiadores da Evans - 4ª parte

Image Hosted by Google O produto "heavy duty" da Evans

Infelizmente, o preço é elevado, com perto de 50 Euros para 5 litros de produto de preparação e uns 75 para outros 5 de produto, podendo ser adquiridos em conjuntos, a um preço um pouco mais acessível, mas que andará acima da centena de Euros, a que podem acrescer portes.

No caso de circuitos com maior capacidade, algo muito comum nos nossos Land Rover, o valor final será ainda mais alto, mesmo considerando-se que este é um investimento a longo prazo, dado que, segundo o fabricante, não haverá necessidade de novas substituições até ao fim da vida do veículo.

Naturalmente que, se com esta substituição se poupar a reparação de uma bomba de água, por exemplo, ou alguma reposição de um líquido convencional, poderemos estar diante de um bom negócio, mas o contrário também pode suceder, caso, por exemplo, haja uma fuga furtuita e se perca parte do líquido da Evans, pelo que será no menos risco de funcionamento que nos devemos centrar.

É difícil pronunciar-nos sobre a adequação deste produto a cada situação específica, tendo em conta o investimento a realizar, pelo que consideramos que apenas se justifica em casos críticos, como no caso de veículos destinados a expedições em zonas quentes, onde uma falha no sistema de refrigeração pode ser fatal dada a dificuldade de efectuar uma reparação.

domingo, junho 23, 2013

Fluido não aquoso para radiadores da Evans - 3ª parte

Image Hosted by Google Um conjunto de produtos da Evans

Em termos práticos, todos os veículos refrigerados por um circuito fechado com líquido podem utilizar o produto da Evans mediante um processo simples de substituição, que não requer ferramentas, mas exige um local apropriado, sendo de estimar que esteja concluido em perto de uma hora.

Antes de aplicar o produto selecionado, o circuito de refrigerção deve ser limpo, tendo a Evans um produto próprio para o efeito, que absorve a água, para além de servir para remover partículas, de modo a que não exista contaminação, sendo indicado que mais do que 5% de água ou derivados pode comprometer a eficiência dos produtos da Evans.

O processo é simples, começando por remover o líquido existente no interior, após o que deve ser introduzido o líquido de limpeza da Evans, fazendo o motor funcionar até atingir a sua temperatura normal, após o que o nível deve ser reposto, antes de um novo período de funcionamento.

Finalmente, substitui-se o líquido de limpeza pelo defenitivo, seguindo os procedimentos habituais de reposição, de modo a que não reste mais de 5% seja do antigo líquido, seja de ar, o que diminuiria de forma crítica a eficiência do produto da Evans.
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin