sábado, dezembro 27, 2008

Fogos de Inverno em habitações - 1ª parte


Image Hosted by ImageShack
Uma habitação queimada

Já abordamos a questão o ano passado, mas a repetição de tragédias resultantes de fogos originários em lareiras acesas, algo que tende a suceder nos dias mais frios, faz-nos lançar um novo alerta para uma situação infelizmente recorrente.

Na noite de Natal um homem de 73 anos morreu intoxicado em Malhou, no concelho de Alcanena quando um tronco que rolou de uma lareira acesa pegou fogo e resultou num incêndio que destruiu a habitação e desalojou outras cinco pessoas.

Apesar dos esfoços dos Bombeiros Municipais de Alcanena, enviaram para o local duas dezenas de elementos, apoiados por sete viaturas, a rápida propagação do fogo e o espesso umo não permitiu salvar atempadamente o idoso, que faleceu a caminho do hospital.

Este será um dos perigos que mais vítimas tem provodado, mas incêndios resultantes de curtos-circuitos devido a sobrecarga, muitas vezes devido a um número excessivo de aquecedores ligados e a defeciencias ou degradação de instalações eléctricas, algo comum em habitações construidas há decádas, também têm contribuido para o elevado número de acidentes que ocorrem nesta altura do ano.

sexta-feira, dezembro 26, 2008

Garmin pode lançar telemóvel com Android


Image Hosted by ImageShack
Um modelo baseado no Android

A Garmin, empresa produtora de dispositivos GPS, poderá estar a preparar a entrada no mercado das comunicações móveis através do lançamento um telemóvel com o sistema operativo do Google, o Android.

Sendo a plataforma Android uma base que permite desenvolver um conjunto de aplicações típicas de um "smartphone", podemos imaginar que sirva para muito mais do que um simples meio de comunicações, sendo previsível que o acesso facilitado a sistemas de orientação como o Google Earth ou o Google Maps o torne apetecível para quem desenvolva GPS's e aplicações de suporte para os mesmos.

Ao juntar-se à Open Handset Alliance, onde se agregam empresas que operam na área das tecnologias de comunicações e operadores móveis, a Garmin pode estar a preparar um equipamento que integre as funcionalidades do GPS, em que se especializou, com as de um telemóvel, usando para isso a plataforma Android.

Caso este hipotético modelo recorresse a um "chip" de quarta geração, teriamos então um equipamento de excepção, polivalente e com um conjunto de funcionalidades inédita, podendo responder a todo um conjunto de solicitações que até hoje têm ficado sem resposta, pelo que este será um processo a acompanhar com atenção.

quinta-feira, dezembro 25, 2008

Noite de Natal


Image Hosted by ImageShack
O trenó do Pai Natal

Hoje, noite de Natal, os momento que passam são para meditar, para sonhar e para acreditar.

Também é uma noite para perdoar, para esquecer as mágoas, ultrapassar divergências, sarar feridas e deixar para trás tudo o que é obstáculo à paz e à felicidade.

Nesta noite de esperança, desejamos a todos um Feliz Natal.

quarta-feira, dezembro 24, 2008

Microsoft volta a prolongar a vida do XP


Image Hosted by ImageShack
Écran de instalação do Service Pack 3

Pensavamos que eram apenas os políticos que sobreviviam a uma morte anunciada, mas o Windows XP acaba por desmentir este mito com a Microsoft a aceitar encomendas deste sistema operativo até 31 de Janeiro e entregas até Maio de 2009.

Este prolongamento vem, mais uma vez, ao encontro de exigência dos fabricantes, e pode não ser o último, pois é cada vez mais óbvio que muitas instituições não pretendem passar pelo Vista e migrar directamente do XP para o Windows 7, que deverá estar disponível no próximo ano.

Torna-se cada vez mais óbvio que o Vista não correspondeu às expectativas, sendo demasiado pesado e complexo em termos de código, com manifestas incompatibilidades com numerosos dispositivos e custos de migração inaceitáveis para instituições que possuem milhares de computadres pessoais.

Antigos guardas-florestais podem passar a ser militares - 2ª parte


Image Hosted by ImageShack
Veículo do GIPS usado no combate aos fogos

É, obviamente, difícil e uma grave limitação a existência de elementos com estatuto completamente diferente integrados numa mesma força, pelo que era mais do que expectável que fosse pensada uma forma de integrar os antigos guardas florestais, ainda hoje pessoal civil, nos quadros de uma instituição de cariz militar, simplificando a gestão e harmonizando procedimentos.

Por outro lado, as limitações operacionais que decorrem do estatuto civil dos antigos guardas-florestais é reflectida em termos de vencimentos e de outras regalias, colocando-os numa situação de inferioridade face aos seus colegas militares, pelo que a tentação de mudar de estatuto, mesmo que tal implique as limitações inerentes à condição militar, será grande e a opção escolhida pela maioria de quem se veja perante a necessidade de tomar uma decisão de carreira.

Torna-se algo inimaginável e manifestamente pouco prático manter por um periodo prolongado na GNR, uma força militar, uma estrutura civil operacional, que ultrapassa os meros serviços administrativos ou de apoio, pelo que não temos dúvidas que os antigos guardas florestais que optarem por manter-se como civis serão cada vez mais relegados para missões secundárias ou, pura e simplesmente, serão pressionados, através de um acordo, a um afastamento negociado.

A alegada elevada percentagem de concordância com a passagem de um estatuto civil para militar reflete não uma opção, mas uma pura inevitabilidade que se torna óbvia para quem tem consciência das dificuldades de integração resultante do processo utilizado e se apercebem que a sua continuidade na carreira dependerá da sua adesão a uma proposta de transição.

Mais do que uma opção, de uma satisfação de reivindicações dos próprios, este é um passo que já devia ter sido dado, acabando com um conjunto de situações descriminatórias e devolvendo à GNR e especialmente ao SEPNA uma unidade organizacional e funcional essencial para a sua eficácia e para a rentabilização dos meios existentes.

terça-feira, dezembro 23, 2008

LG desenvolve processador para telemóveis quarta geração


Image Hosted by ImageShack
Um telemóvel LG de quarta geração

A LG desenvolveu um novo "chip" baseado na tecnologia Long Term Evolution (LTE) destinado aos telemóveis de quarta geração ou 4G, que permite uma velocidade de 100 Mbps para "downloads" e 50 Mbps para "uploads".

Com este novo integrado de apenas 13mm de lado, os telemóveis poderão fazer "downloads" de filmes em perto de um minuto, obter e visualizar novos conteúdos multimédia e aceder à Internet com uma rapidez superior à actual velocidade dos computadores pessoais.

Este "chip", para além de poder ser implementado nos telemóveis, pode vir a ser usado em placas de rede a instalar em computadores pessoais, substituindo os modelos actuais e tornando o acesso à Internet mais rápido, mais fácil e com uma mobilidade que dependerá apenas da infraestrutura de comunicações dos operadores.

A chegada ao mercado deste novo "chip" e a sua baixa de preço após a habitual fase inicial onde a amortização do investimento tende a concentrar-se, vai permitir um novo salto qualitativo nas comunicações móveis e pode ditar o fim de muitos sistemas de comunicação fixo, ultrapassados pela tecnologia agora em divulgação.

Antigos guardas-florestais podem passar a ser militares - 1ª parte


Image Hosted by ImageShack
Militar do SEPNA

O comando-geral da Guarda Nacional Republicana (GNR) está a sondar os antigos guardas-florestais no sentido de apurar, em abstrato, se este preferem um estatuto militar que se enquadre com maior facilidade na estrutura organizacional e operacional de que dependem.

Lembramos que os antigos guardas florestais foram integrados na GNR, subsistindo descrepâncias relativamente aos seus colegas militares em termos de estatuto, de carreira, de vencimentos e mesmo a nível das competências e missões que podem exercer, facto que já originou protesto e dificulta o desempenho conjunto de missões, resultando numa força fragmentada.

Esta situação vigora desde que em Maio de 2005, perto de 500 guardas-florestais foram integrados no Serviço de Protecção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR, mas mantiveram o estatuto civil.

Segundo a GNR, este é um mero estudo, com o objectivo de efectuar um primeiro reconhecimento, não tendo ainda determindado as condições concretas em que uma tal transição poderia ocorrer, mas pode-se temer que, caso haja um substancial número de adesões, quem não o fizer ficará numa situação bastante difícil.

segunda-feira, dezembro 22, 2008

Feliz Natal


Image Hosted by ImageShack
Uma árvore de Natal sob a neve

Desejamos um a todos os nossos amigos e leitores Feliz Natal, agradecendo a vossa presença, que é a razão de ser deste espaço de reflexão, e esperamos continuar a contar convosco durante o ano de 2009 que aproxima.

Este foi um ano difícil, mas esta é uma época de esperança, de paz e de solidariedade, na qual se torna importante parar e lembrar aqueles que precisam de nós e tudo o que ainda por eles podemos fazer.

Lembramos hoje, como em anos anteriores, os que estão sós, os que nada têm, os que esperam pela paz ou anseiam por liberdade, bem como todos os que sofrem ou precisam de consolo, e que estão nesta época, mais do que nunca, nos nossos pensamentos.

Para todos, os mais sinceros votos de Festas Felizes.

Substituir ou reparar - 2ª parte


Image Hosted by ImageShack
Aspecto do interior do espelho já com rebites

Soldar um suporte em alumínio, partido ao longo de uma aresta é virtualmente impossível, caso se pretenda uma resistência pelo menos idêntica à de origem, pelo que optamos por unir as duas partes do suporte partido através de duas peças de metal dobradas em forma de "L", as quais serão inicialmente coladas com resina epóxida.

Esta cola é vendida em tubos duplos, normalmente em forma de seringa, sendo necessário misturar os dois componentes, um dos quais o elemento de ligação e o outro o endurecedor, de modo a que esta fique activa, podendo ser usada durante alguns minutos até começar a secar, processo que varia conforme a marca, mas que tende a ficar completo em 24 horas.


Image Hosted by ImageShack
Aspecto geral do espelho após a reparação

Após unir os fragmentos partidos através de duas peças coladas com resina, optamos por reforçar todo o interior, através de um enchimento de zonas críticas, de modo a que mesmo havendo pressão, os suportes em "L" estejam imobilizados pela ausência de espaço interno que permitam movimento após uma eventual descolagem.

A técnica de enchimento que usamos tende a ser um misto de peças metálicas sobrantes, que podem ir desde fragmentos a restos, passando por porcas, que vão sendo cobertas por resina de secagem rápida, sendo o conjunto pressionado após a aplicação de cada camada, passando o espaço anteriormente oco a ficar preenchido por uma matéria de alta resistência.

domingo, dezembro 21, 2008

Polícia alemã autorizada a utilizar "spyware" em investigações


Image Hosted by ImageShack
Um dos tipos de "spyware"

Uma unidade especial da polícia alemã equivalente à Polícia Judiciária portuguesa, a Bundeskriminalamt (BKA) pode a partir de agora instalar programa informáticos em computadores de suspeitos de actividades terroristas, de forma a obter informações para investigações em curso.

A aprovação desta polémica lei por apenas um voto na Câmara Alta do Parlamento da Alemanha levanta óbvias dúvidas e reservas a nível de protecção de dados e da privacidade ds utilizadores já que autoriza que esta técnica seja utilizada em computadores situados fora das fronteiras nacionais e permite ainda a realização de escutas telefónicas e a instalação de videovigilância em domicílios privados.

Apesar de ser necessária autorização judicial, a lei prevê que em casos considerados urgentes, os membros da unidade especial de investigação da BKA possam usar estas técnicas sem autorização superior prévia, o que levanta sérias questões quanto aos direitos de quem vê a sua privacidade posta em causa, bem como ao tratamento da informação recolhida, sobretudo se a sua obtenção for posteriormente considerada abusiva.

Existe ainda a questão latente de a instalação de "spyware" poder comprometer a estabilidade de um dado computador, do que pode resultar a perda de informação ou sérios problemas para o utilizador que, lembramos, pode estar inocente e a ser investigado sem autorização judicial.

A possibilidade de recorrer a estas técnicas sem supervisão, mesmo que excepcionalmente, bem como a abertura à sua utilização fora das fronteiras alemãs, constitui um risco a vários níveis e levanta sérias questões quanto à legalidade de uma lei cujo âmbito ultrapassa a jurisidição de quem a aprovou.
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin