sábado, agosto 15, 2009

Mais de 500 fogos em cinco dias


Image Hosted by Imageshack
Um incêndio florestal

Em apenas cinco dias a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) registou mais de 500 incêndios florestais em Portugal, com terça feira a ser o dia mais complicado, com um total de 177 ocorrências.

Na terça feira, o dia em que se verificaram mais ocorrências, os fogos foram combatidos por 2.951 bombeiros apoiados por 771 veículos, ainda muito longe do esforço máximo de que o dispositivo existente na "Fase Charlie" é capaz.

A ANPC já recomendou um especial cuidado com o uso de fogo perto de áreas florestais, e prolongou o alerta amarelo até à próxima segunda feira, enquanto lembra que os comportamentos negligentes são punidos por lei.

O alerta amarelo de risco de incêndio foi accionado segunda-feira em todos os distritos de Portugal Continental e vai prolongar-se até sexta-feira devido ao calor, mantendo o dispositivo no segundo estado de alerta mais elevado.

sexta-feira, agosto 14, 2009

Angariação de fundos para a ACAPO


Image Hosted by Imageshack
Logotipo da ACAPO

Do site da ACAPO:
"Campanha de sensibilização e angariação de fundos

A ACAPO, Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal, irá realizar, em colaboração com o Grupo Jerónimo Martins, uma campanha de sensibilização e de angariação de fundos, a decorrer entre 18 de Julho e 2 de Agosto, em todas as lojas Pingo Doce. Esta iniciativa, que conta com o inteiro apoio do Grupo Jerónimo Martins, insere-se nas actividades realizadas no âmbito do projecto "Por Si", levado a cabo pela empresa e que visa a etiquetagem de produtos em Braille para utilização de cidadão deficientes visuais.

Durante esta campanha, estarão disponíveis para compra nas lojas "Pingo Doce", junto às caixas, cupões com o valor de €1,00, €3,00 e €5,00. Para colaborar e ajudar a ACAPO, basta adquirir um destes cupões. O dinheiro reverterá integralmente a favor da ACAPO. Ao participar nesta campanha está a contribuir para a missão da Associação que consiste na inclusão e reabilitação dos deficientes visuais portugueses.

Encontrará mais informações sobre as nossas actividades nas lojas Feira Nova e Pingo Doce no período de duração da campanha ou em http://www.acapo.pt/. O valor da sua contribuição é dedutível no IRS."

Apesar da campanha supostamente já ter acabado, encontrei hoje num "Pingo Doce" muitos cupões disponiveis ainda por utilizar, junto às caixas. Portanto, à semelhança do que acontece com os cupões do Banco Alimentar, a iniciativa só acaba quando os cupões se acabarem. O aspecto de um destes cupões, frente e verso, é assim (carregar na imagem de baixo para ver melhor):



Rádio CB Midland 48 Excel Plus Multi - 1ª Parte


Image Hosted by Imageshack
Um Midland 48 Excel Plus Multi

Entre as diversas opções que se colocam na altura de adquirir um rádio CB, o Midland 48 Excel Plus Multi é, sem dúvida uma daquelas que vale a pena ter em conta dada a relação qualidade/preço que apresenta.

Este é um rádio multi-banda, que incorpora 40 canais ingleses e 40 europeus, para além de canais específicos para diversos países europeus e norte americanos, com uma potência máxima de 4W.

Entre as características principais inclui-se o ESP2 para filtragem e redução de ruido e capacidade de amplificação de sinal e medição de potência e sinal analógico, com informações afixadas num écran de LCD.

Este rário também dispõe de PLL (Phase Lock Loop) Tuner, cobrindo a totalidade dos 40 canais, e possui conectores para alfitalante externo e medidor de sinal.

quinta-feira, agosto 13, 2009

Caffeine entra em teste como novo sistema de pesquisa do Google


Image Hosted by Imageshack
Um possível logo do novo motor

O Google está a testar uma nova tecnologia a ser integrada no seu motor de pesquisa, preparando assim uma nova arquitectura que irá rivalizar com os novos sistemas lançados ou anunciados pela concorrência.

O novo sistema não afectará a forma de pesquisa, mas o código será mais fácil de trabalhar e de integrar, aumentando a velocidade de resposta e a indexação dos resultados, do que resultará um diferente ordenamento.

A divulgação desta nova tecnologia tem o propósito de obter a colaboração de programadores que podem contribuir nos testes enviando sugestões ou reportando eventuais erros.

Lembramos que uma das maiores críticas feitas ao Google tem a ver com o sistema de indexação e a prioritização de resultados, muitas vezes criticado por colocar em primeiro lugar factos mais negativos ou de menor relevância, obrigando os utilizadores a percorrer diversas páginas até encontrar a informação pretendida.

Área ardida é a maior desde 2006 - 2ª parte


Image Hosted by Imageshack
Um incêndio florestal em Portugal

O País este ano, em termos florestais, continua a ter pouco a ver com o de 2002, antes de uma fase particularmente grave, tendo-se verificado substanciais melhorias a nível de combate e coordenação, mas também uma substancial diminuição de áreas florestais e de matos e um significativo aumento de descontinuidades e barreiras naturais.

Tendo em conta o escasso esforço de reflorestação, mesmo contando com o crescimento desordenado de vegetação, esta inflexão é preocupante dado confirmar a falta de empenho na prevenção e indiciar condições mais propensas à propagação dos fogos.

Tal é igualmente verificável pelo facto de o aumento da área ardida ser percentualmente superior ao do número de ignições, do que resulta imediatamente que cada incêndio, em média, adquire maiores proposrções e atinge áreas mais alargadas.

O número de grandes incêndios, com mais de 100 hectares atingidos, que se cifram em 30 e são responsáveis por mais de um terço da destruição, vem confirmar uma maior facilidade na propagação, tendo como expoente máximo o fogo em Vinhais, no distrito de Bragança, que consumiu 830 hectares.

quarta-feira, agosto 12, 2009

Android vai ser usado em novas plataformas


Image Hosted by Imageshack
Um "router" da Linksys

O código-fonte do Android, o sistema operativo desenvolvido pelo Google para dispositivos móveis e que começou a ser adaptado a outras plataformas, como portáteis, vai passar a integrar novos tipos de equipamentos electrónicos.

A MIPS Technologies já disponibilizou este código fonte a diversas empresas que desenvolvem "software" de modo a que estas o incluam em novas famílias de equipamentos equipados com microprocessadores produzidos pela própria empresa.

Os microprocessadors da MIPS estão integrados nos equipamentos comercializados por numerosos fabricantes, alguns dos quais extremamente comuns entre nós, como os "routers" da Linksys ou os leitores e gravadores de DVD da Sony.

Ao ser incluido em novos dispositivos, o Android demonstra não apenas a sua versatilidade, mas também uma cada vez mais séria ameaça para as várias versões de Windows que, não obstante as excelentes qualidades da sua próxima versão, pecam pela complexidade e pelas limitações resultantes da sua extensão, o que impossibilita o uso em sistemas mais limitados.

Área ardida é a maior desde 2006 - 1ª parte


Image Hosted by Imageshack
Um incêndio florestal em Portugal

Há muito que se sabia que a área ardida este ano superava a de 2008, ultrapassando o total do ano anterior, algo que surge como preocupante, não obstante a comparação ser feita em relação a valores completamente atípicos.

Segundo dados provisórios da Autoridade Florestal Nacional (AFN) arderam este ano um total de 21.675 hectares (ha), incluindo 6.324 ha de povoamentos e 15.351 de matos, correspondendo a mais do triplo registado em 2008, num total de 6.337 ha ate ao final de Julho.

Se nos recordarmos que 2008 foi um ano com um número excepcionalmente baixo de ocorrências e optarmos por uma comparação com a média dos últimos 10 anos, este ano continua com valores bastante abaixo de metade dos números registados neste periodo, mas superior ao dos últimos três anos.

É esta última comparação, com os anos de 2006, 2007 e 2008, após o último ano de grandes fogos, o de 2005, que merece uma maior atenção, pois depois de um período de devastação, do qual resultou uma substancial diminuição da área florestal, este ano foi aquele em que se inverteu a tendência para redução da área ardida e do número de ocorrências, facto que merece alguma reflexão.

terça-feira, agosto 11, 2009

ZON lança Internet a 1 Gb no próximo mês


Image Hosted by Imageshack
Um exemplo de cabo e fibra óptica

A ZON vai lançar ligações à Internet a 1 Gb, e também a 200 Mb, no próximo mês de Setembro, em zonas limitadas da cidade de Lisboa e de modo experimental.

Este é um novo passo, que vemos sobretudo como uma forma de afirmação concorrencial, e vem na sequência dos sucessivos aumentos de velocidade e de uma amarga troca de argumentos com a Portugal Telecom relativamente aos produtos de fibra óptica.

Obviamente, 1 Gb é uma velocidade nominal, que depedente de um conjunto de factores e variáveis que incluem desde a disponibilidade dos servidores, passando pela largura de banda disponíbilizada pelas infraestruturas não controladas pela ZON e acabando nas próprias instalações dos clientes, cujas ligações internas podem ser inferiores à do acesso à Internet.

Apostar numa ligação de 1 Gb, por muito tentador que possa parecer, implica na maior parte dos casos substituir todos os equipamentos de rede, sendo que no caso das comunicações sem fios esta continuará limitada a 300 Mbs resultante da norma 802.11N.

50 bombeiros e cinco meios aéreos - 2ª parte


Image Hosted by Imageshack
Bombeiros preparam-se para combater um fogo

O resultado tem implicações locais, sobretudo nas fases do combate em que existe uma maior necessidade de efectivos, tal como a nível de consolidação e de rescaldo, mas também pode comprometer operações noutros locais, onde o apoio de meios aéreos como complemento eficaz de uma acção terrestre teria um efeito muito superior.

Esta opção, que pode ter alguns resultados no combate aos fogos, não o tem, certamente a nível do socorro, onde é impossível substituir na mesma escala a falta de meios humanos pela evacuação aérea de sinistrados ou doentes, algo que é agravado pelo encerreamento de valências nos serviços de saúde.

O recurso à utilização em massa de meios aéreos, como forma de compensar falta de efectivos em terra, vem no seguimento da opção pelo uso de água em substituição de ferramentas manuais e surge como corolário de uma perigosa insuficiência de pessoal, consequência inevitável da evolução demográfica e da mudança de hábitos e comportamentos em diversas regiões do País.

Mais do que discutir opções tácticas, demasiado condicionadas por factores que não dependem directamente de nenhuma decisão operacional, impõe-se analisar as causas profundas que levaram, inevitavelmente, a uma quase substituição de recursos humanos por meios aéreos e que espelham as políticas desajustadas que têm resultado no empobrecimento e desertificação de vastas áreas do território nacional, onde a capacidade de auto-defesa das populações há muito não existe.

segunda-feira, agosto 10, 2009

Dados de telecomunicações guardados por um ano - 2ª parte


Image Hosted by Imageshack
Um telemóvel vendido sem contrato

Mesmo em termos de Internet, o aumento de acessos móveis que não obrigam a contrato e menos ainda a verificação dos dados do utilizador, o recurso a "cybercafes" onde a identificação não é pedida e a falta de segurança generalizada nas redes sem fios, permite igualmente uma utilização anónima mesmo para quem não possui grandes conhecimentos informáticos.

Efectivamente, quem pretende desenvolver uma actividade criminosa organizada continua a ter uma enorme margem de manobra que permite manobrar fora do alcance destas medidas, sem encargos ou dificuldades minimamente limitativas, pelo que a eficácia desta opção é mais do que duvidosa.

Relembramos que o então comissário António Vitorino sugeriu o fim da venda de cartões de telemóveis não identificáveis, algo que seria menos complexo e mais eficaz do que a directiva agora transposta, mas que nunca chegou a ser adoptada, apesar de ir directamente ao cerne do problema.

Esta directiva, por não ser complementada por algumas medidas simples, pode ser marginalmente útil, mas não terá impacto a nível da grande criminalidade organizada, precisamente aquela que hoje se pretende combater e não é utilizável contra a pequena criminalidade, a qual não é abrangida por esta legislação.

50 bombeiros e cinco meios aéreos - 1ª parte


Image Hosted by Imageshack
Um Canadair no combate a um fogo

Dois aviões Canadair de Espanha juntaram-se a outros tantos nacionais e a um helicóptero no combate a um incêndio que lavrava em Além Rio, no concelho de Mértola, distrito de Beja.

O esforço em terra era da responsabilidade de 56 bombeiros, apoiados por 17 veículos e uma máquina de arrasto, que combatiam uma frente activa que evoluia desde as 16:26 de sábado e cujo avanço obrigou a uma forte mobilização aérea.

Esta aparente desproporção entre os meios terrestres e o apoio aéreo tende a ser mais comum em zonas do Interior do País, onde a falta de recursos humanos é cada vez maior e a dificuldade em enviar reforços por via terrestre em tempo útil surge como praticamente impossível.

Como medida para compensar esta falta de efectivos, surge como solução o recurso a um método de combate que, para além de extremamente dispendiosa, resulta de uma eficácia duvidosa e tem implicações no equilíbrio do dispositivo a nível nacional.

domingo, agosto 09, 2009

Óleos usados ajudam AMI


Image Hosted by ImageShack
Reciclagem de óleos usados

Para aqueles que se preocupam com o futuro do nosso planeta a questão da reciclagem é muito importante. Hoje em dia, felizmente, já é possível reciclar óleos alimentares que de outra forma teriam sido deitados fora, e aproveitá-los como combustível.

A Assistência Médica Internacional (AMI) é uma das instituições que agradecem que os consumidores depositem os seus restos de óleo em qualquer um dos pontos de recolha (oleões) que existem no país.

Do site:
"O projecto de recolha de óleos alimentares usados da AMI conta já com a participação de cinco mil pontos de recolha em todo o país, incluindo restaurantes, hotéis, cantinas, escolas, juntas de freguesia e câmaras municipais. As autarquias de Sintra e Amadora já instalaram oleões em espaços de acesso aos munícipes. Nos restantes concelhos do país, a entrega é feita em restaurantes e outros pontos de recolha, estando a listagem disponível aqui (PDF). No primeiro ano de funcionamento do projecto, já foram recolhidas 150 toneladas de óleos alimentares usados.

Durante o mês de Julho a AMI terá uma campanha de rua com o objectivo de apelar à participação de todos os cidadãos neste projecto.

Este projecto ambiental da AMI permite evitar, quer a contaminação das águas residuais, quando o óleo é despejado na rede pública de esgotos, quer a deposição dos óleos alimentares usados em aterro, quando colocados nos contentores de resíduos comuns.

Os óleos alimentares usados são transformados em biodiesel, fornecendo uma alternativa ecológica aos combustíveis fósseis, e contribuindo ainda para reduzir as emissões de CO2. Ao contrário do que por vezes acontece com o biodiesel de produção agrícola, esta forma de produção não implica a desflorestação nem a afectação de terrenos, nem concorre com o mercado da alimentação.

São produzidos todos os anos em Portugal 120 milhões de litros de óleos alimentares usados, quantidade suficiente para produzir biodiesel equivalente a 42 milhões de litros de petróleo, o que corresponde a cerca de 0,5% do total das importações anuais portuguesas deste combustível fóssil. A AMI dá assim a sua contribuição para favorecer a independência energética do país, conseguindo atingir este objectivo de forma sustentável e com uma visão de longo prazo, não comprometendo outros recursos igualmente fundamentais para o desenvolvimento da sociedade e para o bem-estar das populações.

As receitas angariadas pela AMI com a valorização dos óleos alimentares usados serão aplicadas no financiamento das Equipas de Rua que fazem acompanhamento social e psicológico aos sem-abrigo, visando a melhoria da sua qualidade de vida."
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin