sábado, julho 05, 2014

Carregador solar no Lidl

Estará disponível nas lojas da cadeia Lidl, a partir de quinta feira, dia 10 de Julho, um carregador solar, capaz de alimentar dispositivos electrónicos como GPS, "tablets", câmaras ou telemóveis, para citar os mais comuns, sendo compatível com um grande número de equipamentos.

A tensão de saida é configurável, podendo ser de 5V, talvez a mais utilizada, sobretudo devido aos equipamentos carregados via conector USB, mas também de 7.5V e 9.5V, o que permite alimentar muitos dos equipamentos existentes no mercado, mas exclui, obviamente, computadores portáteis ou outros dispositivos que requerem uma tensão superior.

Este carregador tem indicador do nível de carga da bateria interna, em forma de percentagem, indicação da tensão de saída, do estado de carregamento, bem como um botão para ligar e desligar, possuindo ainda os conectores de saída para ligar aos equipamentos a alimentar.

O preço deste carregador é de 14.99 Euros, um valor adequado e perfeitamente competitivo com aquele que é praticado para produtos semelhantes, mas, para os mais exigentes, sugerimos que optem por um modelo com maior capacidade e que com tensão de saida até aos 20V, o que permite alimentar mesmo um computador portátil.

sexta-feira, julho 04, 2014

O "Camel cut" nos Discovery I

Para colocar pneus de maior dimensão nos Land Rover Discovery I, tal como acontecia com os pneus 700/16 utilizados no "Camel Trophy", sem que estes entrem em contacto com a carroçaria, torna-se necessário efectuar pequenas modificações, concretamente a nível de corte de chapa ou remoção de componentes.

Se a remoção dos cantos do parachoques dianteiro, dependendo do tamanho dos pneus escolhidos e de alterações introduzidas na suspensão, pode ser opcional, o corte da carroçaria na zona posterior das cavas das rodas traseiras, conhecido como "Camel cut", é praticamente obrigatória.

Este corte é efectuado na diagonal, segundo uma linha que vai desde perto de meio da cava, ao nível da dobra da carroçaria, e que termina perto de 45 mm atrás da cava, conforme a marcação que se pode ver na imagem, sendo de utilizar uma ferramenta rotativa, tipo "dremel" ou uma tesoura para metal.

Após este corte, cujo acabamento é algo rude e pode deixar arestas, será sempre de finalizar o trabalho com uma lima para metal, por exemplo, e pintando a zona modificada, não apenas por razões estéticas, mas como protecção da carroçaria e mesmo de quem entre em contacto com ela.

quinta-feira, julho 03, 2014

"Plug" multifuncional para "Android"

Um "gadget" que consideramos interessante e de muito baixo preço, é o "plug" multifuncional de 3.5 mm destinado a telemóveis com o sistema operativo "Android" e que permite, após instalação do "software" de suporte, obter uma nova tecla programável, de muito fácil acesso, e que complementa as existentes de origem no equipamento.

Este "plug" , que não mede mais do que alguns milímetros de comprimento, entra no conector usado para auriculares, comum e padronizado na maioria dos telemóveis, ficando fixo, após o que o utilizador descarrega do "Google Play Store" ou do "site" do fabricante a aplicação "gesture.apk", instalando-a e configurando-a de acordo com o pretendido e atribuindo funcionalidades ao número e forma de premir o novo botão.

Assim, podem ser atribuidas funções distintas a premir o "plug" um dado número de vezes, com carregando uma vez para o envio de um SOS, duas para activar a câmara, três para activar uma dada aplicação, e outras para premir de forma contínua ou num padrão diferente, podendo estas atribuições serem redefenidas sempre que pretendido.

Por menos de um Euro, incluindo portes, suportando dispositivos "Android" com o sistema operativo 2.3 ou superior, este "plug" é compatível com a maioria dos equipamentos, havendo, no entanto, algumas excepções, facilitando a utilização de um telemóvel, sobretudo quando se pretende recorrer de forma mais repetida a um conjunto específico de funções.

quarta-feira, julho 02, 2014

Visão noturna em "drones" - 2ª parte

Naturalmente que a visão via assinatura térmica apresenta diferenças muito substanciais face aquela a que estamos habituados e implica habituação e capacidade de interpretação, dado que neste caso conta a temperatura e não a luminosidade, com a diferença entre dia e noite a esbatercer-se.

O FLIR converte calor em tonalidades, com os objectos mais frios a surgir num tom mais escuro do que aqueles que são mais quentes e que surgem com cor clara, sendo disso exemplo um ser vivo, identificável pelo conjunto de forma, cor e, eventualmente, pelo padrão de movimento.

Periodicamente, dependendo do modelo, o FLIR recalibra-se, aferindo objectos, temperaturas e estabelecendo tonalidades e contrastes, de modo a maximizar a eficiência do sistema, permitindo que a imagem transmitida permita uma interpretação coerente e precisa, facto que é assinalado por um indicador intermitente.

No entanto, e dado que o FLIR usa muito o contraste térmico, este sistema tem óbvias limitações, sobretudo perante fontes de calor intenso e prolongado, como um incêndio, que podem limitar o uso em áreas circundantes ou dificultar a correcta calibragem do equipamento, diminuindo, pelo menos temporariamente, a sua eficácia.

terça-feira, julho 01, 2014

Novas protecção KBX para faróis na Paddock

Estão disponíveis na Paddock Spares as novas protecções para os farois traseiros e indicadores de direcção dos Defender construidos a partir do ano de 2004, podendo as mesmas ser adquiridas aos pares ou em conjuntos que podem incluir até seis unidades, sempre incluindo os parafusos de fixação.

Estas protecções são extremamente simples de instalar, bastando remover os parafusos, colocar a protecção sobre o farol ou indicador e aparafusar novamente, numa tarefa ao alcance de todos e que pode ser efectuada com extrema rapidez e sem o recurso a ferramentas especializadas ou a necessidade de um local específico.

Quando comparadas com outras protecções, como as RDX, estas KBX apresentam preços superiores, sendo este acréscimo justificado pela qualidade dos acabamentos e pelo desenho, mas tal, nume veículo algo rústico como o Defender, pode não representar um substancial valor acrescentado.

Recordando que os porte da Paddock são fixos para um peso de até 30 quilos, aconselhamos os interessados a associarem-se caso pretendam adquirir este material, cujo preço começa na quinzena de Euros para um par e na versão em negro e vai até quase trinta para os modelos prateados, sendo de ressalvar que um Defender necessita de um total de oito para que este tipo de faróis fique protegido.

segunda-feira, junho 30, 2014

Visão noturna em "drones" - 1ª parte



Para além de câmaras convencionais, seja integradas, seja adicionadas, com transmissão de imagem em tempo real, mesmo os "drones" que se podem adquirir por um valor razoável suportam equipamentos de visão noturna, como os FLIR ou "Forward Looking Infra Red".

Os especialistas do "Roswell Flight Test" instalaram uma câmara FLIR num "drone" RQCX-3 Raven, um modelo de seis rotores, extremamente estável e fácil de controlar que se tornou um dos favoritos a nível de busca e salvamento, dadas as suas capacidades e a flexibilidade de uso que permite.

Estão igualmente disponíveis numerosos modelos de câmaras FLIR, capazes de serem instaladas no suporte com sistema de estabilização, tipo "Gimbal", do "drone", sendo sempre de escolher um modelo tão leve quanto possível e tendo sempre a consciência de que esta é uma solução dispendiosa, apenas adequada a um uso profissional.

O fluxo de vídeo proveniente do FLIR é transmitido de forma semelhante ao de uma câmara convencional, usando os mesmos canais, pelo que o tipo de comando original associado ao "drone" pode ser mantido, tal como os recursos que devem incluir todo o sistema de navegação e de retorno automático ao ponto de partida, ainda mais valorado de noite.

domingo, junho 29, 2014

Controle remoto de computadores via "Chrome Remote Desktop" - 2ª parte

Para instalar o cliente para "Android" é necessário um dispositivo com a versão 4.0 ou superior desta plataforma, não sendo exigível nem um processador potente ou muita memória, mas o écran deve ter boas dimensões, dada a dificuldade em observar todo o écran do equipamento controlado em virtude de questões de redimensionamento ou da inexistência de teclado e rato físico.

Críticas são igualmente a falta de som e suporte de múltiplos monitores, por vezes alguma dificuldade em estabelecer ou manter a conexão, o que pode ser imputado a problemas de rede, ou ausência de combinações de teclado, por vezes necessárias para activar funções em aplicações específicas.

No entanto, sendo intuitivo, fácil de utilizar mesmo para os menos experientes, bastante estável, seguro no uso, requerendo pouca largura de banda, tendo um elevado nível de compatibilidade com os mais diversos dispositivos que cumprem os requisitos de instalação, o "Chrome Remote Desktop" é, na nossa opinião, um excelente produto.

Para quem conhece produtos semelhantes, como o "Teamviewer", o "Chrome Remote Desktop" constitui uma alternativa interessante, dado que oferece possibilidade de controlo a partir de "smartphones" e controlar diversos sistemas operativos, sempre com a obrigatoriedade de ter o "Chrome" instalado.
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin