sábado, setembro 03, 2005

Sugestões 3 - Mobilidade de voluntários


Image Hosted by Imageshack
Varanda da casa da Nogueira

Um dos factores que tem vindo a agravar o problema dos incêndios florestais no interior do País tem sido a evolução demográfica particularmente desfavorável. Para além do envelhecimento da população, que se verifica a nível geral, a falta de oportunidades de emprego e de carreira determina um fluxo constante de jovens em direcção às cidades de que resulta uma desertificação do interior. Este problema tem como resultado óbvio uma escassez de população jovem e uma diminuição do efectivo laboral, de que resulta uma cada vez maior vulnerabilidade a situações de catástrofe.

Se bem que este problema só possa ser resolvido através de medidas estruturais de grande impacto, com francas vantagens para empresas e particulares activos que optem por fixar-se por períodos determinados em zonas do interior, é possível implementar medidas de emergência que limitem a extensão do problema enquanto uma solução mais defenitiva é estudada.

Quando imaginamos o Projecto Verão Verde, um dos pilares principais era a deslocação de participantes do litoral para o interior recorrendo ao apoio da indústria hoteleira. Esta, para além de uma maior taxa de ocupação, poderia praticar preços mais reduzidos aos participantes no Projecto caso fizessem um acordo com entidades municipais, obtendo uma compensação a nível fiscal ao abrigo da Lei do Mecenato.

Também outras indústrias, nomeadamente ligada a actividades de todo o terreno, turismo de aventura ou de vendas de equipamentos informáticos ou de orientação, entre outras, poderão beneficiar deste tipo de actividade, tanto mais importante numa época em que todos os meios para estimular a economia nacional são importantes. Caberá, logicamente, aos operadores turísticos e económicos e às autarquias estabelecer os protocolos que permitam uma colaboração eficaz e vantajosa para todos.

sexta-feira, setembro 02, 2005

Obrigada ao blog DesNorte

Agradecemos ao blog DesNorte por nos ter lincado. Também já está na nossa lista de blogs amigos. Obrigados!

Porque entre as vítimas do fogo também se encontram os animais...

Image Hosted by ImageShack.us


... E porque os animais são nossos amigos, reproduzimos aqui este apelo feito pelo blog InSenso Comum (em imagens):
Ajuda Procura-se

NOTA
Hoje - excepcionalmente -transcrevo aqui um mail que me enviaram. Porque sei o que é um fogo e porque adoro animais. Acho que isso basta para justificar este post... diferente, aqui no InSens'Imagens.

«Este fim de semana ajudei a combater um incêndio perto da casa da minha namorada em Gaia, e para nosso espanto, no meio do lume, e após o rescaldo, achamos 6 cãezinhos, numa toca, com certeza feita pela mãe. A parte triste da sua salvação é que descobrimo-los após encontrarmos a mãe morta sobre a toca. Ela tinha-se colocado sobre a entrada para que nada lhes acontecesse e morreu assim.

Esta história merece um final feliz e nós estamos a tentar arranjar donos para os cãezinhos. Posso dizer que são raçados de chow-chow, porque a cadela "andou" com um cão dessa espécie recentemente e eles têm o seu pêlo; a cadela que faleceu, sinceramente não sei a sua raça, porque estava irreconhecível.

Por favor, ajudem-nos, contactando para o e-mail vaskocosta@gmail.com ou o número 933230543.

Temos ambos 2 cães cada um e não podemos manter estes, com muita pena nossa, mas estamos desesperados a tentar arranjar alguém que os queira adoptar.

Ajudem-nos por favor!

Vasco
Contacto: tel.933230543»
Acabamos de saber através do Blog dos Bichos que felizmente já foram adoptados, apesar de serem 7 ao todo! Ainda bem, ficamos muito contentes.

OziExplorer - Configuração - 4ª parte

A comunicação com o GPS é feita através de uma porta de comunicações, normalmente uma porta série real ou virtual.


Image Hosted by   ImageShack.us
Clicar na imagem para ver versão 593x301 57KB

Mesmo uma comunicação com um equipamento USB ou PCMCIA ou CF Card faz-se muitas vezes através de uma porta COM virtual, gerada por um programa de gestor de dispositivos ou driver próprio.

Normalmente basta configurar a porta COM para que o GPS funcione, sendo que muitos modelos incluem programas de configuração que nos permite saber qual a porta onde o GPS está ligado através de uma sucessão de testes. No entanto, caso se pretenda utilizar um software capaz partilhar um único GPS por diversas aplicações, como o GPS Gate, inevitavelmente a porta de comunicações terá de ser alterada no OziExplorer e configurada para uma das portas virtuais criadas para efeitos de partilha. A porta original ficará apenas disponível para o software de partilha e não será directamente acessível às restantes aplicações, pelo que, após testada a solução pretendida, esta deve ser devidamente documentada e permanecer tão inalterada quanto possível.

As opções de Upload/Download ou NMEA Baud Rate podem ser deixadas nos valores que o OziExplorer pré-configura, dado serem os valores padrão para este tipo de dispositivos e a sua alteração não representar melhorias visíveis em termos de execução do programa.

Estes quatro textos incluem as opções fundamentais na configuração do OziExplorer de deverão permitir a sua utilização sem problemas na maior parte dos computadores pessoais, mas caso haja alguma dúvida tentaremos esclarecê-la, bastando para tal deixar uma mensagem neste blog.

quinta-feira, setembro 01, 2005

Sugestões 2 - Formação em novas tecnologias


Image Hosted by Imageshack
Computador portátil e GPS

A nossa aposta é, em primeiro lugar, na formação de todos quantos estão envolvidos neste combate. É do conhecimento que vem a compreensão e desta que surgem as mudanças estruturais que se impoem. Por isso estudamos e apresentamos soluções que pretendem aliar uma maior eficência a um custo aceitável, compatível com as finanças públicas, que possa rentabilizar os meios existentes e potenciar os que venham a ser adquiridos.

Faz parte do nosso projecto dar um contributo em termos de know-how de forma a que seja possível fazer e manter um registo de percursos que possam mais tarde, quer para fins lúdicos, quer em casos de emergência, serem utilizados por quem percorra os mesmos trilhos. Assim, mesmo quem não tenha conhecimento prévio da área onde se desloca, pode fazê-lo com maior segurança, quer recorrendo a um mapa digital e seguindo o percurso com o auxílio de um GPS, quer através de uma versão impressa, onde os percursos possíveis estarão de igual forma assinalados. Por uma questão de facilidade para os menos experientes, também recorremos a modelos tridimensionais que melhor permitam avaliar a topografia do terreno e simplificar a interpretação dos dados disponíveis.

Com base num trabalho que realizamos durante vários meses, estamos a disponibilizar uma série de textos que auxiliem eventuais interessados a instalar e configurar um programa que permita uma orientação mais fácil, com base nos mapas topográficos militares à escala 1/25.000 da série 888 produzidos pelo Instituto Geográfico do Exército.

Recorrendo ao auxílio de um equipamento GPS de baixo custo, este processo será francamente facilidado, permitindo uma identificação correcta da posição actual, seguir caminhos previamente marcados ou estabelecer novas rotas que mais tarde poderão ser utilizadas em segurança por quem nunca trilhou os mesmos caminhos, disponibilizando-as quer a voluntários quer aos Bombeiros de forma a auxiliar na coordenação das operações nomeadamente na transmissão de informações precisas aos meios aéreos.

Igualmente abordaremos as novas formas de comunicação disponibilizadas pelas novas tecnologias de informação e o uso da banda larga no fomento de formas de colaboração onde a distância não seja obstáculo. Este factor é essencial no sentido de manter custos baixos mesmo quando a troca de experiências e de informações envolve participantes dispersos por todo o País, tendo ainda a vantagem de permitir contactos internacionais que de outra forma dificilmente seriam possíveis.

quarta-feira, agosto 31, 2005

OziExplorer - Configuração - 3ª parte

Para obter informações correctas do GPS torna-se imprescindível que as selecções feitas na configuração estejam inteiramente de acordo com as características do modelo utilizado.


Image Hosted by   ImageShack.us
Clicar na imagem para ver versão 595x301 57KB


Modelos simples, como as versões sem memória própria que utilizamos, são normalmente configurados como NMEA only, o que deve ser verificado na documentação do fabricante, sendo neste caso possível escolher a opção All Makes e considerá-lo um modelo genérico. Equipamentos mais sofisticados, embora nalguns casos possam utilizar esta mesma configuração, devem ser selecionados da lista sempre que possível.

Independentemente do modelo, é de extrema importância para a correcta obtenção de resultados selecionar correctamente as opções GPS Upload/Download Datum e GPS NMEA Output Datum, que informam o programa qual o datum segundo o qual o GPS envia a informação posicional. Nenhum tipo de compensação para um deficiente posicionamento deve ser feito trocando este tipo de opção e selecionando um datum que não o correcto para o modelo de GPS utilizado.

Actualmente, a maioria dos GPS usam o datum WGS 84, embora ainda seja possível encontrar modelos que utilizam outros datums, sendo esta informação possível de obter a partir do manual do equipamento.

O grupo de opções do lado direito deve ser configurado de acordo com os limites do aparelho, podendo estes variar largamente de um modelo para o outro. No caso de um modelo que armazena os dados em computador, os limites dependem do computador e não do GPS, sendo obviamente muito superiores aos indicados.

terça-feira, agosto 30, 2005

Sugestões 1 - Introdução


Image Hosted by Imageshack
Cinzas por Ingrid Koivukangas


Durante o Verão, acompanhamos a situação dos fogos florestais, tal que já ocorrera durante o ano de 2004, no sentido de identificar situações de que resulte uma menor eficiência e de propor soluções no sentido de as ultrapassar. Apesar dos esforços que se verificam, acreditamos sinceramente que é possível fazer melhor, mudando mentalidades e formas de actuação sem que a tal corresponda um substancial aumento das verbas orçamentadas, algo que seria incompatível com a actual situação financeira do País.

Assim, cremos que não é através do aumento irracional dos meios disponíveis que esta luta será ganha, mas através de uma nova postura, da adopção de novos métodos e do recurso às novas tecnologias.

Não iremos debruçar-nos sobre questões de ordem legal, pois consideramos que o enquadramento existente oferece garantias suficientes, apresentando sobretudo uma deficiência a nível da sua aplicação, nem relativamente ao ordenamento do território, embora possamos apontar para a acção da Câmara Municipal da Lousã como exemplo de uma requalificação ambiental com resultados positivos na prevenção de incêndios florestais.

Desta forma, e no seguimento das experiencias recolhidas, iremos propor um conjunto de alterações e actividades num conjunto de àreas que consideramos prioritárias e relativamente negligenciadas ao longo dos últimos anos. Solicitamos a quem tenha sugestões, ideias ou quaisquer contributos, que nos envie para veraoverde@veraoverde.org.

segunda-feira, agosto 29, 2005

Obrigada ao blog Cuidado de Si

Obrigada ao blog Cuidado de si, um blogue que já por muitas vezes abordou o grave problema dos fogos no nosso país, pela referência ao Verão Verde. Obrigados, José J.C. Serra.

OziExplorer - Configuração - 2ª parte

As informações genéricas referentes ao tipo de unidades a utilizar nos mapas, que vão desde distâncias a informações de carácter geográfico devem ser configuradas neste menu.


Image Hosted by   ImageShack.us
Clicar na imagem para ver versão 593x302 54KB


Deve ser dada uma especial importância a distâncias e velocidades, que devem ficar em quilómetros, a forma de apresentação da latitude e longitude a ao datum para mapas em branco, que deve coincidir com os mapas com que habitualmente se trabalha. Com excepção do datum e do país ou região, a maioria dos valores aparece por defeito e não necessita de alterações.

Para além de directórios pré-configurados, pode ser importante fazer o OziExplorer tentar localizar mapas automaticamente noutras unidades de armazenamento, como um leitor de CD ou DVD-ROM.


Image Hosted by   ImageShack.us
Clicar na imagem para ver versão 594x302 47KB


Desta forma, caso o mapa não seja encontrado no directório Maps do OziExplorer, será iniciada uma pesquisa automática e sucessiva nas unidades ou directórios incluidos nesta opção.

Por uma questão de facilidade, caso haja um elevado número de mapas, aconselha-se a utilização de unidades de DVD, dado que a cada mapa topográfico digitalizado correspondem aproximadamente 5 Mb.

domingo, agosto 28, 2005

Que autoridade?


Image Hosted by Imageshack
General Ferreira do Amaral


Confesso que até hoje ainda não percebera exactamente quais as funções da Autoridade Nacional para os Incêndios Florestais, mas a entrevista que o General Ferreira do Amaral concedeu ao Expresso dissipou quaisquer dúvidas.

Quando o responsável máximo por esta entidade assumiu ter apenas um papel de apoio moral aos bombeiros, quando se esperava que fosse o coordenador pelo combate aos incêndios, torna-se inevitável considerar que não houve, efectivamente, uma melhoria da coordenação a nível nacional.

Mais grave ainda, criou-se uma ilusão de haver um orgão de cúpula, chefiado por um militar experiente e prestigiado, que se suponha estar investido da autoridade de dirigir sob um comando único as várias estruturas e entidades envolvidas nos combates aos incêndios. Sabe-se agora que para além de funções de aconselhamento ou consultadoria, as quais deveriam ser deixadas a especialistas na matéria, esta autoridade apenas o é de nome, deixando ao SNBPC as mesmas funções que há muito desempenhava.

Concluo que ainda não foi este ano que existiu um comando único, capaz de eliminar problemas coordenação e de responsabilidades sobrepostas ou indefinidas, e de se impor sobre o caos que tantas vezes é patente nas operações de combate aos fogos. Pena é que, durante a maior parte da época de incêndios, tenha sido criada a ilusão de que este ano havia Autoridade.
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin