sábado, maio 31, 2014

Land Rover Defender na publicidade da Allianz


Integrado na última campanha de publicidade institucional da seguradora Allianz, pertencente ao grupo BPI, surge um anúncio do ramo automóvel onde a presença de um Land Rover Defender, aliado ao objectivo de chegar em segurança, parece mais promover o veículo do que o produto comercializado.

Apresentamos o cartaz e o vídeo, sobretudo pela escolha da seguradora, que ao selecionar o Defender acaba por transmitir uma mensagem que mais parece ser da autoria da Land Rover, que não publicita este modelo em Portugal, do que propor um qualquer produto na área dos seguros.

Image Hosted by Google Um Land Rover Defender na publicidade da Allianz

Já comentamos, e lamentamos, por diversas vezes a actuação da Land Rover em Portugal, quer pela falta de abertura perante as questões que ocasionalmente colocamos, quer por esquecer os proprietários dos modelos mais antigos, concentrando-se na venda dos modelos mais recentes e dispendiosos, que raramente vemos ser utilizados como um todo o terreno.

Nem sequer a fiabilidade e todas as emoções que alguns modelos, essenciais para a história da marca, e sem os quais esta existiria hoje, são evocados, surgindo sobretudo como um incómodo, a quem é necessário dar alguma atenção, e não como os veículos que dão à Land Rover o nome que tem hoje.

sexta-feira, maio 30, 2014

Bombeiros do Dafundo dispõem de "drone"




Os bombeiros do Dafundo já dispõe de um "drone" para apoio a operações, que podem incluir missões de salvamento ou combate aos fogos, tendo optado pelo popular DJI "Phantom", o mesmo que ilustrou diversos artigos que temos publicado no nosso "blog" e que é considerado como um dos melhores na sua classe, oferecendo um excelente desempenho.

Este pequeno "drone", com autonomia de voo que se aproxima dos 30 minutos e raio de acção de perto de um quilómetro, foi recentemente colocado à venda em lojas da cadeia "MediaMarkt", por um preço perfeitamente acessível e que o coloca ao alcance de diversos utilizadores, pelo que não será de estranhar que vejamos este modelo em uso em diversas situações e locais.

Os modelos da DJI, entre as quais os "Phantom", na sua versão inicial e na mais recente versão "Vision", com câmara HD integrada, são fiáveis, fáceis de operar e, fornecendo vídeo em tempo real, constituem uma óbvia mais valia para o comando de uma operação, potenciando os recursos existentes e reduzindo os riscos de uma intervenção através do fornecimento de informações precisas e permanentemente actualizadas.

Sendo uma excelente base, os DJI têm uma excelente capacidade de evolução, pois a sua popularidade levou a que diversos fabricantes forneçam peças que melhoram o seu desempenho, e nos numerosos fóruns encontram-se as informações necessárias para que modificações sejam introduzidas apenas depois de devidamente testadas por outros utilizadores do mesmo modelo.

quinta-feira, maio 29, 2014

O "GPS Test" para "Android" - 1ª parte

Image Hosted by Google Écran do "GPS Test" para "Android"

O "GPS Test" é um pequeno programa da ChartCross, disponível em versão gratuita, com um bom número de funcionalidades, e pago, mais completo, disponível para equipamentos com a plataforma "Android" 2.2 ou superior, que permite, tal como o nome indica, testar o sistema de GPS do equipamento onde está instalado.

No entanto, e obviamente, as funcionalidades vão para além do simples teste, disponibilizando informação gráfica sobre a recepção do sinal dos satélites do sistema GPS e Glonass, caso suportados pelo equipamento, bem como a velocidade, altitude ou posição geográfica, a qual pode ser obtida em vários formatos.

São suportas coordenadas dos formatos OSGB, UTM, MGRS, USNG, CH1903 e Maidenhead e "datums" que incluem o WGS84, NAD83, NAD27, ED50, AGD66, AGD84, SAD69, bem como unidades de medida do sistema métrico e imperial, podendo-se escolher as mais diversas combinações.

Aliás, a capacidade de disponibilizar a informação em diversos formatos, bem como as extensas opção de configuração, que incluem variáveis de âmbito geográfico, como "datums" ou o sistema de projecção, permitem que toda a informação proveniente dos satélites seja facilmente interpretável e utilizável para diversos fins.

quarta-feira, maio 28, 2014

"Drones", o futuro no presente - 14ª parte

Image Hosted by Google Um fogo florestal filmado por um "drone"

A existência de "drones" adstritos a missões de socorro, independente-mente da forma de integração funcional, mas cujas tarefas podem incluir missões em áreas completamente distintas, como a nível do ordenamento do território, da delimitação de zonas ou outras que sejam atributos das autarquias, podem resultar na criação de postos de trabalho qualificados e na rentabilização de recursos existentes, substituindo dispendiosas contratações externas.

Devemos acrescentar que em zonas do Interior, cada vez mais desertificadas, a criação de empregos e mesmo de polos de formção em áreas tecnlógicas, fruto de iniciativa privada, pública ou autárquica, pode não apenas inverter a actual tendência e o devastador aumento das assimetrias regionais, mas também atrair novos habitantes, mais qualificados e investimentos vindos do exterior.

Algumas corporações já adquiriram este tipo de meio, embora ainda não os tenham utilizado operacionalmente, pelas informações de que dispomos, mas tal será, sem dúvida, feito em breve e em missões de perfís completamente diferentes, nas quais a informação em tempo real é um factor determinante na condução das operações.

A tecnologia é instrumental, não é um valor em sí mesma, apenas tem importância na medida em que contribui de forma positiva para reduzir os riscos, proteger vidas e bens, complementando, mas nunca substituindo o esforço e empenho de quantos no terreno vão continuar a dar o seu melhor.

terça-feira, maio 27, 2014

Mais uma semana do automóvel no Lidl

Image Hosted by Google O inversor de 150W vendido no Lidl

Apesar de muitos dos equipamentos e acessórios já terem sido incluídos em promoções anteriores, o facto de esta ser uma época de maiores viagens e deslocações justificam alertar os nossos leitores para a promoção que as lojas da cadeia Lidl efectuam a partir da próxima 5ª feira, dia 29 de Maio.

Para quem efectue viagens mais longas, sugerimos adquirir um inversor de corrente, que permita alimentar equipamentos eléctricos de fraca potência que funcionam a 220 Volts, os quais incluiem a maioria dos alimentadores ou carregadores de equipamentos informáticos eléctricos ou electrónicos, que assim podem ser carregados ou alimentados através do seu sistema original, por vezes a única forma de os carregar correctamente.

Image Hosted by Google O inversor e estojo de primeiros socorros

O inversor vendido no Lidl é de 150W, adequado para a maioria dos equipamentos electrónicos, podendo em simultâneo carregar um segundo equipamento via USB, e tem um preço de 19.99 Euros, possuindo um circuito de protecção com fusível e indicadores visuais e auditivos de carga, sobrecarga ou bateria fraca.

Para quem necessite de maior potência, existem diversas alternativas, como o modelo de 1000W, igualmente com saida USB, que instalamos no Defender, e que, incluindo portes, pouco passou da trintena de Euros, muito superior ao que se vende no Lidl, onde, obviamente, existem outros produtos de interesse, como o estojo de primeiros socorros, esteiras, malas de viagem ou protecções para o Sol, o que justifica visitar uma das lojas da cadeia.

segunda-feira, maio 26, 2014

"Drones", o futuro no presente - 13ª parte

Image Hosted by Google Um "drone" ao serviço dos bombeiros

A integração de aviões não tripulados como parte de uma estrutura complexa, pode obedecer a diversos critérios, que dependem não apenas das capacidades e utilização de cada modelo, mas do modelo organizacional e funcional da entidade que vai gerir este tipo de equipamento e o pessoal a eles adstrito, mas a flexibilidade e polivalência de uso dos "drones" só terá o devido retorno quando a sua gestão segue os mesmos pressupostos da sua utilização.

Assim, uma gestão centralizada de recursos, efectuada a nível nacional, conjugada com uma operação delegada, destacando as unidades para estruturas de nível inferior como complemento dos recursos próprios, operando com autonomia, devidamente integrados e complementando os meios locais, surge como a forma de maximizar o potencial deste tipo de meio aéreo, enquanto familiariza os operacionais com esta tecnologia recente e ainda pouco conhecida.

A atribuição deste tipo de meios, em termos de gestão operacional, ao nível distrital, ou mesmo local, confere um maior grau de autonomia, aumentando substancialmente a capacidade do comando como resultado do tipo de informações recebido, diminuindo erros resultantes de previsões ou estimativas baseadas numa visão parcial do teatro de operações.

Naturalmente que existe o risco de haver "drones" danificados ou destruidos, mas este é um pequeno preço a pagar quanto comparando com a diminuição de riscos que a utilização destes meios representa, sendo de recordar que quando um dos robots destinados a desactivar bombas explodia, os polícias espanhóis festejavam, porque teria sido um deles a perder a vida e não um simples equipamento, por muito dispendioso que fosse, a ser destruído.

domingo, maio 25, 2014

Mochilas "molle" para três dias - 3ª parte

Image Hosted by Google Os componentes da mochila "molle" para três dias

Assim, o saco de maiores dimensões incluido no conjunto, pode ser utilizado a tiracolo, na cintura ou preso na mochila, em diversas posições, e acomoda facilmente no seu interior desde um equipamento fotográfico completo, com bolsas para acessórios de menores dimensões, a peças de vestuário, documentos ou objectos de uso pessoal.

Esta bolsa, com perto de 30 centímetros de comprimento, é de tal forma polivalente que também é vendida separadamente, como equipamento autónomo, possuindo divisórias internas e fechos éclair e correias com fechos de abertura rápida, que aumentam em muito a segurança do conteúdo e conferem capacidade de transportar maiores pesos, tendo ainda diversos pontos de fixação "molle" para outras bolsas ou acessórios.

Dois sacos de menores dimensões, fechados com um simples fecho éclair, podem ser usados no cinto, como simples bolsas para transporte de objectos de pequenas dimensões ou mesmo documentos, ou fixados nesta ou noutra mochila, mas também possuem sistemas de fixação "molle" para que neles sejam fixos outros items, como uma bolsa específica para documentos ou para um telemóvel ou rádio.

O preço deste conjunto, incluindo portes a partir da Ásia, ronda a meia centena de Euros, podendo incorrer no pagamento de taxas alfandegárias, e, o que pode ser mais complicado, implicar um largo que periodo de espera que atinge facilmente os dois meses, como resultado do calamitoso estado em que se encontram os serviços aduaneiros ligados ao transporte via CTT, onde os atrasos injustificados aumentam diariamente.
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin