quarta-feira, novembro 07, 2012

20 anos de Lomografia - 1ª parte

Image Hosted by Google Uma máquina fotográfica Lomo

A Sociedade Internacional de Lomografia foi fundada há 20 anos, em Viena, por um grupo de estudantes que redescobrira as velhas câmaras soviéticas analógicas produzidas pela Lomo, representando a marca fora do antigo território soviético.

As câmaras são extremamente simples, apesar de existirem em numerosos modelos, algo típico da engenharia soviética, que produzia equipamentos robustos e de muito baixo custo, muito fáceis de utilizar, bastando apontar e disparar, obtendo-se fotografias num estilo muito próprio.

Este tipo de câmara, baseada na Lomo LC-A, é toda manual, apenas tendo a exposição automática, caso seja opção do fotografo, compensando automaticamente variações de luminosidade, com a focagem dividida em três zonas, 0.8, 1.5, 3.0 e infinito, e o disparo a variar dos 0/500 aos 2 segundos.

Esta pequena câmara, com apenas 107 x 68 x 43.5 mm e pesando 250 gramas, pouco mais funcionalidades implementa, possuindo encaixe para "flash", visor iluminado e uma lente Minitar 1 32mm f/2.8, suportanto ISO 25-400.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin