quinta-feira, novembro 07, 2013

Welcome to the danger zone... - 1ª parte




A adição de alguns elementos de controle de velocidade, que serão, essencialmente, canteiros de grande dimensão, com 1 metro de lado, colocados de forma a estreitar uma via de circulação, por vezes complementada por uma lomba, parece ter-se vindo a popularizar, sendo para nós muito duvidoso que tenham o efeito pretendido.

Estes elementos, misto de decoração urbana e de redutores de tráfego, são extremamente resistentes e inamovíveis, pelo que um choque contra um obstáculo deste tipo terá sempre um efeito devastador para o veículo que contra ele embata a alguma velocidade, mas também caso um peão mais distraído com ele colida, algo que nem nos espantaria numa zona onde se localizam diversos estabelecimentos de ensino.

O espaço disponível entre os elementos delimitadores da via varia entre os 2.9 e os 3.2 metros, o que, sendo suficiente para um veículo ligeiro, cuja largura ronda os 1.70 metros, torna-se estreito para veículos mais largo, e especialmente para pesados de alguma dimensão, entre os quais se incluem alguns veículos adstritos ao socorro, que facilmente chegam aos 2.5 metros de largura e podem enfrentar dificuldades em curvas.

Lembramos que a adição de elementos de decoração urbana fixos na zona do Chiado foi responsável por inúmeras dificuldades de acesso, contribuindo em larga escala para a devastação de uma extensa área urbana no centro de Lisboa, lamentando-se que a lição não tenha sido devidamente aprendida.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin