segunda-feira, fevereiro 17, 2014

"Software" de diagnóstico EOBD-Facile - 2ª parte

Image Hosted by Google Écran do EOBD-Facile

A versão paga é bem mais completa, incluindo numerosas outras funcionalidades, que incluem sistemas automáticos de accionamento, monitorização de informação obtida através de 2, 4, 5, 6, 9 e 10, o que permite aceder a dados de fabrico do veículo e limpar os erros detectados.

Também a exportação de dados em formato .CSV, a elaboração de gráficos mais sofisticados, detecção de protocolos e de informações adicionais do próprio "interface", dando origem a outro tipo de apresentação de dados, muito mais completa e funcional.

O "site" é interessante, permitindo adquirir equipamentos, mas também obter explicações e indicações interessantes, incluindo os protocolos de comunicações disponíveis em diversos modelos automóveis, bem como informações mais genéricas relativamente a este tipo de sistemas de diagnóstico baseado no popular "chip" ELM 327.

Relativamente aos motores Td5 dos Land Rover, segundo a tabela de compatibilidade do "site", recorrendo ao protocolo ISO 9141, estão disponíveis os modos 1 (90188000), 2 (40000000), 7 e 9 (30000000), mas os modos 5 TIDs e 6 OBDMID não estão disponíveis, decorrendo estes resultados de testes com 3 Discovery dos anos de 2001 e 2002, com centralinas NNN.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin