sexta-feira, novembro 07, 2014

Alterações nas reclamações no EBay - 2ª parte

Desta forma, caso o item continue em falta, a comunicação com o vendedor já terá decorrido, poupando-se algum tempo, o que consideramos útil dado que, salvo casos verdadeiramente excepcionais e que terão a ver com questões aduaneiras, só muito dificilmente o item chegará após essa data, abrindo-se o caso sem mais demora, após o que, caso o vendedor não responda numa semana, se pode escalar o caso e pedir o reembolso.

Alguns dos vendedores podem enviar um número de registo, que deve ser cuidadosamente verificado e validado, porque não é inédito este ser falso, seja por corresponder a um envio diferente, seja porque o número é regeitado pelo sistema, o que sucede sempre que a combinação dos dígitos, que inclui mecanismos de verificação, tal como um número bancário, não obedece ao modelo resultante da geração feita pelo sistema dos diversos serviços de correios.

Mesmo respondendo, é de ter em atenção que existe um periodo para escalar o caso e que o EBay, não havendo essa iniciativa, fechará o caso, sem possibilidade de reabertura, um mês depois, pelo que, mesmo que o vendedor proponha uma solução em troca do encerramento do caso, esta nunca deve ser aceite sem que o item tenha chegado.

Caso não responda, ou perante uma reposta insatisfatória, como o envio de um número de registo não válido, aconselha-se a escalar imediatamente o caso, solicitando o reembolso, pois quem não responde de forma transparente quase certamente não irá resolver o problema a bem e, objectivamente, não estará a pensar em devolver voluntariamente o pagamento, pelo que a solução passará pela intervenção do EBay.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin