sábado, março 28, 2015

Três em cinco condutores usam a bateria para carregar outros equipamentos - 2ª parte

A maioria dos proprietários raramente ou nunca verifica o estado da bateria, mesmo quando se nota alguma hesitação durante o arranque do motor, pelo que é cada vez mais frequente, sobretudo nos veículos com um maior número de equipamentos eléctricos instalados, falhas por falta de carga, implicando uma carga ou troca da bateria.

Sendo difícil de aferir, estima-se que um em cada três veículos tenha um problema com a bateria em cada ano, com maior incidência nos meses de Inverno e zonas de maior frio, afectando modelos relativamente recentes, com muitos equipamentos eléctricos, como automóveis de gama média ou alta com 4 a 6 anos e que fazem sobretudo percursos urbanos.

Também são estes os modelos onde se encontram instalados um maior número de opcionais e cujos ocupantes possuem mais equipamentos electrónicos e os carregam durante o percurso, portanto aqueles cuja bateria é submetida a um maior esforço e cujo nível de carga atinge valores mais baixos, podendo ultrapassar o esperado pelo fabricante, que na altura do projecto não adivinharia a evolução tecnlógica.

No caso dos todo o terreno, o acréscimo de equipamentos, que podem incluir faróis suplementares e de trabalho, guinchos ou equipamentos de expedição, a situação pode ser ainda mais complicada, razão pela qual vários proprietários optam por um sistema de dupla bateria com sistema de gestão, que evita que a bateria de arranque seja penalizada pelo aumento de consumo de energia.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin