quarta-feira, fevereiro 15, 2017

Relógios inteligentes para desportistas - 1ª parte

Os relógios inteligentes, seja autónomos, seja concebidos para funcionar conjuntamente com um telemóvel, onde é instalada uma aplicação, são cada vez mais populares, não apenas por hoje serem francamente acessíveis, mas também porque as funcionalidades, facilidade de utilização, resistência e autonomia têm vindo a aumentar significativamente.

Centramo-nos hoje em modelos destinados a funcionar conjuntamente com "smartphones", com os quais estabelecem uma conexão via "bluetooth", nos quais é instalada uma aplicação que trata e apresenta graficamente os dados provenientes dos diversos sensores incorporados, incidindo em versões de alta resistência, pensados para desportistas, pelo que possuem um conjunto de características muito particulares.

Estes modelos, cujo preço fica abaixo da vintena de Euros, incluindo portes, possuem um conjunto de funcionalidades básicas funcionando em modo independente, sem ligação a um telefone inteligente, que efectivamente em pouco excede as de um relógio electrónico comum, como as informações horárias ou de calendário, adicionando algum armazenamento de dados, cuja utilidade se revela na altura da conexão e processamento num dispositivo móvel compatível.

Assim, e dado que o primeiro passo deve ser a instalação da aplicação de suporte no "smartphone", é essencial que a versão do sistema operativo seja compatível, tal como é essencial que o seja a versão de "bluetooth", sem o que o relógio não irá ser utilizado em pleno, perdendo a maioria das suas funcionalidades.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin