sábado, dezembro 30, 2017

Internet móvel para equipamento de navegação - 2ª parte

Caso a opção seja pelo serviço que oferece melhor desempenho a nível nacional, a DECO aponta para a Vodafone, a larga distância da concorrência, sendo esta a solução que, tecnicamente, se apresenta como a mais adequada, com a escolha final a depender de questões contratuais, nomeadamente na inclusão num contrato com maior número de serviços.

Todos os operadores oferecem melhores condições quando o mesmo cliente usa diversos serviços, pelo que será de inquirir junto do operador com o qual já exista um contrato quais os valores para as várias possibilidades a nível de acesso via rede móvel, o que passa, tipicamente, por um "plafond" de dados que convém calcular para determinar qual a modalidade que melhor serve cada caso específico.

Nalguns casos, após o desconto aplicado, o preço é idêntico, caso da Vodafone para quem já possui serviços residenciais, pelo que, naturalmente, a opção será pelo maior "plafond", mas, sendo cada caso diferente, cada situação deverá ser avaliada individualmente, comparando preços e serviços, bem como a adequação concreta destes às necessidades.

Em termos exemplificativos, um cartão SIM da Vodafone, que se pode encontrar na área das redes móveis, como sendo destinado a um "tablet", terá um custo de 5 Euros por mês para quem já possua serviços residenciais deste operador, podendo ainda constituir uma alternativa caso o acesso via rede fixa não funcione adequadamente ou esteja temporariamente indisponível.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin