terça-feira, fevereiro 06, 2018

O "Registrator Viewer" no Windows 10 - 2ª parte

Seguidamente, é necessário expandir a estrutura do "registry" e localizar a chave HKEY_CURRENT_USER\SOFTWARE\Microsoft\Internet Explorer\Main\FeatureControl\FEATURE_BROWSER_EMULATION

Nesta chave será criada uma nova entrada, clicando com o botão direito do rato, escolhendo "Novo" ou "New" e a opção valor "D-WORD", onde deve ser colocado o nome exacto do programa, que no nosso caso é "RegistratorViewer_v.6.0.0.22.exe", mas que, para muitos, pode ser, simplesmente "RegistratorViewer.exe".

Este nome, reiteramos, deve coincidir exactamente com o programa ou executável que será chamado, e deve ter um valor decimal "11001", semelhante ao da imagem, após o que se clica em "Ok", ficando assim a operação de edição do "registry" concluído, podendo-se sair do programa e proceder a testes com o "Registrator Viewer", carregando um vídeo, com a respectiva informação geográfica e selecionando o Google Maps para visualização.

Mesmo podendo surgir, ocasionalmente, erros de Java, sobretudo no arranque do programa, durante a operação do mesmo, em princípio, tal não acontecerá, o que permite que o "Registrator Viewer" seja utilizado novamente em termos práticos, algo que, antes desta alteração, era virtualmente impossível.
Enviar um comentário