quinta-feira, dezembro 04, 2014

Sensor de temperatura de gases de escape - 1ª parte

Nos artigos que abordam algumas alterações na bomba de injecção dos 300 Tdi, mencionamos a necessidade de monitorar a temperatura dos gases de escape, de modo a que o aquecimento do motor não ultrapasse as tolerâncias do fabricante, para o que devem ser montados uma sonda e mostrador adequados.

No modelo que escolhemos como exemplo, o sensor é em aço sem estanho 304, com um diametro de 5 mm e com 3 mm a nível da extremidade da sonda, que tem um comprimento de 80 mm, incluindo os acessórios de fixação, com roscagem, que permitem uma instalação com solidez num local onde as temperaturas serão extremamente elevadas, sendo toleradas desde os -100 aos 1.250º.

Esta sonda está ligada a um cabo com 2 metros de comprimento, devidamente terminado, e isolado com malha metálica e revestimento exterior, que irá ligar ao mostrador, onde será igualmente ligada a alimentação de 12 volts que fará funcionar o sistema.

O mostrador, de formato rectangular, tem 79 x 43 mm, de frente, para o que é necessário um corte de 74 x 40 mm no tablier ou noutro painel, e uma profundidade de 25 mm, incluindo um visor "led" com perto de 80 mm de diagonal onde dígitos azuis permitem verificar o valor enviado pela sonda, variando entre os 0 e 1.200º, com uma precisão de 1%.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin