sábado, março 05, 2016

Botas militares inglesas - 1ª parte

Apesar dos excelentes resultados em termos de resistência, conforto e durabilidade das botas "Magnum" que têm merecido a nossa preferência, o seu preço elevado leva-nos a equacionar outras alternativas, tendo a opção recaído num dos modelos adoptados pelo Exército Inglês e que muitas vezes surgem designadas por "Army boots", "Assault boots" ou "Cadet boots".

É de notar que, tal como em diversos exércitos, existe um modelo adoptado oficialmente que é fornecido, com pequenas diferenças, por vários fornecedores, os quais são obrigados a produzir as botas de acordo com um conjunto de características que constam de um caderno de encargos, pelo que, parecendo idênticas, podem ter uma qualidade distinta, mas todas incluídas no conjunto "Soldier 95".

Tal como acontece em muitos países, as botas militares, produzidas em números muito elevados, oferecem uma excelente relação preço qualidade, previlegiando a protecção do pé e tornozelo contra impactos e torsões, oferecendo uma boa estanquicidade e praticabilidade, incluindo os detalhes típicos deste tipo de calçado destinado a forças militares, como a forma com os atacadores são utilizados ou os sistemas para as prender.

Naturalmente que, face a modelos mais sofisticados, e consequentemente muito mais dispendiosos, as botas militares tendem a ser menos confortáveis, seja em caso de transpiração, seja pelo próprio peso, agravado pelas espessas solas e pelas protecções metálicas das mesmas.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin