domingo, abril 16, 2017

Remover completamente programas com o "Absolute Uninstaller" - 1ª parte

Tem sido verificado que nem sempre desaparecem todos os vestígios de um programa desinstalado do Windows 10, sendo possível que, para além de ficheiros, fiquem diversas entradas, incluindo no painel de controle, onde continua a surgir uma inútil opção de desinstalação que, forçosamente, irá falhar porque o procedimento já foi executado.

Existem vários truques, alguns deles arriscados, como editar o "registry" e fazer desaparecer tudo o que é referente ao programa removido, mas será uma opção pouco aconselhável para os que têm menos experiência e, objectivamente, deverá ser sempre uma opção extrema por parte de quem se sinta à vontade neste tipo de operações.

Mais simples, e muito menos arriscado, é recorrer a programas desenvolvidos para o efeito e que, uma vez instalados, removem todos os restos de uma desinstalação incompleta de forma automática e sem riscos para o utilizador, num processo que demora, na maior parte dos casos, escassos segundos,

O "Absolute Uninstaller", da Glarysoft, pode ser descarregado gratuitamente, devendo-se ter o cuidado de durante o processo de instalação remover o "check" das opções adicionais oferecidas, ficando imediatamente pronto para ser utilizado, sem necessitar de configurações adicionais e dispensando qualquer aprendizagem, dada a simplicidade do seu uso.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin