sábado, dezembro 11, 2010

Mau tempo continua com subida de temperatura - 3ª parte

Image Hosted by ImageShack
Efeitos do mau tempo em Portugal

Também não podemos esquecer que este tipo de fenómeno afecta igualmente instalações, equipamentos e o próprio pessoal do socorro e respectivas famílias, pelo que a disponibilidade de meios materiais e humanos podem ser francamente inferiores ao efectivo nominal, surpreendendo pela negativa e criando novas limitações a nível operacional.

Por um lado, é necessário que exista uma protecção acrescida para as instalações e equipamentos adstritos ao socorro, bem como a existência de uma rede de comunicações fiável e autónoma, bem como um sistema viário que permita o reforço de meios, mesmo quando em circunstâncias climáticas extremas, algo que, infelizmente, sabemos que actualmente não se verifica.

Para além do reforço das reservas de fundos de emergência, os quais, ao contrário do que pretendem alguns, só devem ser utilizados para os fins a que se destinam, a questão dos seguros deve ser analizada, mesmo que tal implique a revisão da legislação que enquadra o sector.

Será complexo inverter, caso possível, as causas que levaram às alterações climáticas que se têm verificado nos últimos anos, pelo que se torna necessário adoptar uma estratégia que controle e minimize os efeitos, protegendo as populações e os seus pertences e salvaguardando a actividade económica do País, evitando que às crescentes dificuldades que se vivem, acresçam maiores prejuizos.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin