sábado, setembro 18, 2010

Uma placa, no meio de quase nada

Image Hosted by ImageShack
A placa, no meio de quase nada

Os testes da recentemente apresentada versão TDV8 do Range Rover 2011 decorreram no nosso País, não podendo os jornalistas da Land Rover Owners International deixado de reparar numa estranha placa informativa, esculpida em pedra, no meio de quase nada.

Esta placa, que assinala o limite de duas freguesias de um mesmo concelho, não adianta qualquer tipo de informação, para além do nome das mesmas, do concelho em que se inserem, e dos presidentes de junta e da câmara municipal, algo que, convenhamos e esperamos, será transitório e, em termos de orientação, de utilidade duvidosa.

Em contrapartida, opondo-se a uma certa ostentação da dita placa, os caminhos que a circundam são em terra batida, mal mantidos e apropriados apenas aos testes fora de estrada de veículos todo o terreno, razão pelos quais foram escolhidos pela Land Rover, mas que será pouco conveniente para os habitantes locais.

E afinal, esta pequena placa, este luxo absurdo no meio de quase nada, que chamou a atenção dos jornalistas ingleses, caracteriza bem este País de aparências, onde parece mais importante perpetuar nomes do que deixar obra feita.
Enviar um comentário
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin