terça-feira, janeiro 18, 2011

Bombeiros rompem negociações sobre pagamento do transporte de doentes não urgentes - 1ª parte

Image Hosted by ImageShack
Duas ambulâncias de transporte

A Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) rompeu as negociações que mantinha com o Ministério da Saúde sobre o novo regulamento de transporte de doentes não urgentes, efectuado fora do ambito do socorro.

Na falta de acordo e perante a recusa governamental em suspender a nova regulamentação, o Conselho Executivo da LBP decidiu marcar um congresso extraordinário para o dia 26 de Fevereiro, cujo tema único é discutir o novo enquadramento sobre o transporte de doentes".

O Governo regulou o transporte de doentes não urgentes depois de anunciar que paga anualmente quase 200.000.000 de Euros por este serviço, fazendo depender o transporte da existência de prescrição clínica ou insuficiência económica por parte do paciente.

Na sequência desta alteração regulamentar, têm surgido situações lamentáveis, como a recusa de algumas unidades de saúde em receber doentes, vindo ainda onerar muito pesadamente todos aqueles que residem mais afastados dos locais onde são atendidos.
Enviar um comentário